Os Ventos da Mudança de Setembro

OS VENTOS DA MUDANÇA DE SETEMBRO

 EMBARQUE NESSA AVENTURA

Tudo, sempre, no Universo, é movimento, é mudança, é impermanência…

Nada é estático, nada é estável, nada é seguro.

Nós, humanos, aprendemos a acreditar na estabilidade, na segurança… e nos agarramos na ilusão de uma zona de conforto que, na realidade, não existe; pois até a sua percepção de conforto muda, a cada dia.

Nada está sob controle.

As estações do ano mudam, a temperatura muda, a intensidade dos raios do sol muda, a umidade do ar muda, as plantas crescem… outras murcham e morrem, retornando ao ventre do planeta, dando espaço para novas plantas.

As suas células, seus neurônios e suas hemácias nascem e morrem a cada dia, para dar espaço a novas células, novos neurônios, novas hemácias…

Você não é mais a mesma pessoa que era ontem… Já se somaram as experiências e os aprendizados de ontem e você mudou, ainda que não perceba.

Sua personalidade pode ser rígida, regrada, controlada… Mas a sua alma não é… é aventureira, mesmo que você não admita, porque acha que pode controlar essa força que vem aí de dentro, e você teme.

Ah, se teme! Nós morremos de medo da nossa Essência, esse Eu verdadeiro que não conhecemos e que parece ser maior e mais poderoso do que podemos suportar.

E passamos a encarnação inteira tentando controlar essa Alma cigana que não deixa a gente parar… O nome disso é Resistência.

Doce ilusão achar que vencemos a batalha…

Ninguém vence o Espírito porque ninguém pode vencer Deus. Ele não joga com você, ele não disputa espaço com você: ele apenas É… e você NÃO TEM como mudar isso.

Mas existe o outro lado do seu arbítrio que é contrário à resistência: chama-se Entrega.

O Espírito flui e sua vida cresce, suas virtudes florescem, e você vive um estado pleno de felicidade que só a aceitação pode trazer.

Aceitação não é sinônimo de acomodação, OK?

Experimente se entregar ao invés de resistir. Essa energia de medo da resistência vai lhe adoecer, vai aniquilar você, vai lhe apequenar e apagar aos poucos, sem que perceba o processo.

Quem resiste, sofre; quem aceita, celebra…

Celebre a vida, aventure-se a cada dia no novo que se abre assim que você acorda. Dê bom dia a uma nova vida a cada dia. Olhe para a vida como uma criança em um parque de diversões, com inúmeros brinquedos, cada um mais irado do que o outro…

Aproveite os ventos da mudança de setembro e venha para a vida do Espírito!

Feliz primavera para você!

 

Projeto ÁGUIA: junte-se a nós!

Inscreva-se para ser notificado de nossas publicações, cursos e eventos. 

Responsive image

Maria da Conceição Vitor